Proximamente
  Março 2019
Era um mundo
Libertar-se do mundo morto
 João Bernardo 

 Um livro em português

Publicaçõe papel (Tiragem limitada) e pdf
Prefácio
Bibliografia + Índice de nomes e assuntos
 brochado 255págs – 16

ENCOMENDA
 O livro poderá ser adquirido através do e-mail
(Pour commander le livre nous contacter)

 

« O mundo que morreu não se limitou a morrer. Morreu de uma dada forma e foi substituído por dados problemas, e tanto uma como os outros constituem o terreno sobre o qual, queiramos ou não, vivemos e somos obrigados a agir. » 

João Bernardo nasceu em 1946. Em 1965 foi expulso de todas as universidades portuguesas por motivos políticos durante um período de oito anos. Como militante foi preso três vezes pelo regime fascista em 1965-1966. Clandestino em Portugal, exilou-se em Paris de 1968 até 1974. Fez parte do colectivo que criou e manteve o jornal Combate, publicado de 1974 a 1978. De 1984 a 2009 foi convidado a leccionar em várias universidades brasileiras em cursos de pós-graduação.

Em francês

Entretiens avec João Bernardo
Labyrinthes du fascisme
Émission La Lutte des Classes au Portugal